Friday, June 17, 2011

Empreendedores-empresários-ativistas procuram-se!

As figuras públicas sem dúvida que são impulsionadoras de novas tendências. Se há portugueses que imitam os seus ídolos ao pintar as unhas dos pés de preto ou a dar um nome diferente a um filho, também há aqueles que observam de perto os empresários nacionais e a forma como contribuem para um país melhor.

Todas as empresas têm responsabilidades socias, nem que seja apenas em teoria e, é impossível dissociar o empresário da sua empresa. Isto é, o comportamento social da empresa influencia a imagem do empresário e vice-versa. Mas atualmente há empresários cada vez mais ativistas fazendo jus à teoria que têm em papel.

Ou seja, não são apenas empreendedores nas suas empresas como também o são na vida em geral. Temos como exemplos, Francisco Pinto Balsemão, que organizou o Salão de Mobilidade Sustentável, em que será analisada a evolução recente das marcas no que diz respeito aos carros elétricos e à instalação de infraestruturas que possibilite a concretização da mobilidade elétrica.

Belmiro de Azevedo através do programa "Porto Seguro" foi um dos modelos de referência aos jovens, promovendo o empreendedorismo e fomentando a necessidade de formação; Rui Nabeiro que se dedica a diversas causas sociais tendo uma intervenção ativa na sociedade; entre outros.

Estes empreendedores-empresários-ativistas são fundamentais como exemplos à sociedade em geral e como forma de "obrigar" outras empresas/instituições públicas ou privadas a seguirem o mesmo caminho.

in Expresso, Ana Campos

No comments:

Post a Comment